21 de dez de 2012

Confissões de um coração



"   Ainda penso em você, não com a mesma intensidade, mas com uma duvida um pouco maior. Acho que  é por que não te vejo mais e é muito provável que não nos veremos mais... mesmo sabendo que você ainda vai estar lá.

   Meu coração batia tão forte quando te via  que tinha medo de te olhar diretamente e você percebesse meu nervosismo através dos meus olhos, eles brilhavam quando ouvia dizerem ' Olha ele lá ' , meu travesseiro  já não aguentava mais meus pensamentos sobre você.
   
   Sentia tudo isso sem nunca ter trocado duas palavras com você, não sei como isso era possível, mas era quase impossível conter essa torrente de sentimentos ao mesmo tempo e juntar as palavra certas para te falar. Fazia planos de conversas perfeitas, mas alguma coisa sempre saia errada, ou eu ficava nervosa demais, ou não te via o dia todo, ou estava com as pessoas erradas... não podem dizer que isso não deu certo por falta de tentar por que não foi. Algumas tentativas foram bem difíceis para mim.

   Por mais que compartilhava esse momentos com minhas amigas e ouvia os conselhos, nenhuma realmente entendia o que realmente tomava meu coração. 

   Até que finalmente fui... falei com você, e digamos que foi uma conversa rápida ' Na hora da saída, varias pessoas correndo, mas o tempo passava em câmera lenta para mim, perguntei seu nome; apesar de já saber e o contato da seu rede social ainda está gravado no meu celular. Logo depois disso me senti mais confiante, senti que podia fazer tudo que quisesse. Começamos a conversar e percebi que você não era tudo aquilo que imaginei, era hipócrita, arrogante e mentiroso, sei que isso parece um pouco pesado, mas foi o que aconteceu. Todos os meus sonhos foram caindo das nuvens sem paraquedas... se derrubei lagrimas? Algumas, pois a decepção foi muito de repente.
 
   Acho que aqueles sentimentos foram em vão, me senti muito mal e com o tempo me fiz acreditar que tinha te esquecido, mas todos ao meu redor me faziam lembrar de você constantemente. Só me enganei de novo, e de novo, ainda não tinha te deletado da memoria nem do coração. Seus cabelos negros, seus lábios vermelhos, sua pele tão macia e olhos igualmente pretos como os cabelos.... tudo isso ainda estava fresco na minha memoria.

   Você não era nenhum príncipe com que todas as outra garotas sonham... não você era de um jeito diferente dos outros, acho que foi isso o grande motivo para eu ter gostado tanto de você. Mas agora não sinto mais nada. 

   Não vamos mais nos ver, porém ainda tenho uma dúvida ' Você sentira minha falta agora ? ' Essa pergunta ficara sem resposta, esse texto será a ultima lembrança desse sentimento tão intenso, ficarão nessas palavras meu amor. Agora posso finalmente libertar meu coração, deixa-lo voar... mas agora com paraquedas; para ele não sair machucado de novo. Somente seguirei meu caminho, você será apenas um capitulo da minha vida. Digo agora com certeza....
Adeus! " - Anonimo

Oii meninas! Esse texto que vocês leram, foi digamos que bem pessoal né, mas achei bem legal e pode ser que algumas de vocês se identifiquem com as loucuras do coração da escritora. Espero que tenham gostado  desse texto um pouco diferente =]

Nenhum comentário:

Postar um comentário